Make your own free website on Tripod.com
     
Presenteie com inteligência!
CONSIDERAÇÕES SOBRE O BRINCAR
Com a palavra, a proprietária da loja LULI Brinquedos Educativos, Lidania Dias Blumer Bastos,
Terapeuta Ocupacional, especializada em Neurologia Infantil e Psicomotricidade
(AACD e HC - USP).
Também mãe!
O brincar é a principal ocupação da criança e permite um desenvolvimento saudável.
Ajuda a criança a amadurecer, relacionar-se com amigos, com adultos e com seu meio, aprendendo sobre limites e procurando saídas para a solução de problemas.
Brinquedos prestam-se a estimular as aquisições motoras, cognitivas, sociais, afetivas e criativas do indivíduo.
Entretanto, o brinquedo, isoladamente, não encerra possibilidades de descobertas. São os pais interessados que fornecem potencial significado às investidas de seus filhos.
Conforme a criança cresce, as características do brincar se modificam. Primeiramente, há um interesse despertado no bebê pelo rosto e seio maternos. Quando ele já percebe visualmente os objetos, tenta alcançá-los até conseguir agarrá-los.
Ao sentar-se sozinho, transfere os brinquedos agilmente de uma mão para a outra, chacoalha-os, lança-os ao chão, batendo-os uns contra os outros.
Gradativamente, vai passando por fases, como tirar objetos de dentro de um recipiente para depois recolocá-los. Interessa-se por brinquedos com botões que, quando acionados, revelam um efeito interessante (luz, som ou um movimento).
Quando o bebê começa a engatinhar, o brincar se engrandece, à medida que ele tem favorecida sua autonomia para buscar o que for de seu interesse, transpondo obstáculos.
Passando a andar, prossegue com seus instintos de curiosidade: faz encaixes, empilha os objetos, puxa carrinho pelo cordão e mexe em tudo.
Exercita sua independência em atividades como alimentação, vestuário, higiene e comunicação, observando pessoas familiares e brincando de “faz de conta”.
Então, vem a fase escolar. E experiências advindas do ato de brincar e se relacionar com pessoas vão se somando, ficando cada vez mais elaboradas. As brincadeiras continuam. Acrescentam-se conceitos, regras e valores para que a criança possa enfrentar as futuras exigências de sua vida adolescente e adulta.
Notou como brincar é importante!
Logo, todo conhecimento do brincar e dos brinquedos apropriados para cada diferente fase da criança tornam-se indispensáveis e enriquecedores para todos nós.  
Consulte-nos!!! Conte conosco!!!
Lidania Dias Blumer Bastos